reflorestamento

Bonito por natureza

Por Alberto Vosgerau Neto

Existem representações mais lindas do que as que a natureza cria? Muitos dirão que sim. Outros que não. Isso é ótimo! A minha intenção é provocar!!!

Que tal materiais que imitam outros materiais?

Hoje no mercado já encontramos muitas opções, o material mais imitado é a madeira. PVC que imita madeira, vinil que imita madeira, laminado melamínico que imita madeira, cerâmica, porcelanato…

Por muitos motivos a madeira é a queridinha das imitaçoes. Enquanto designers de interiores, projetistas e especificadores temos que prestar atenção em todos os motivos que fazem com que isso aconteça e procurar tirar o máximo de proveito dessas alternativas criadas pela tecnologia atual. Seguem alguns pontos de destaque:

1. Dificuldade de encontrar a madeira natural

Ainda encontramos algumas madeiras de florestas nativas disponíveis no mercado, mas um pouco de reflexão nos faz pensar por quanto tempo elas ainda existirão. Espécies que foram amplamente exploradas, como mogno, estão extintas e isso é um dado muito triste. Caso a sua opção, ou a do seu cliente, seja o uso de madeira natural, procure madeiras de reflorestamento e certificadas.

2. Preço

Em muitos casos o preço do produto que imita a madeira é menor do que o dela própria. Mas não se engane, isso não acontece com todos os materiais. Muitos porcelanatos que imitam madeira, por exemplo, são mais caros que a sua versão natural já instalada! Esse é um ponto importatíssimo na hora de apresentar orçamento pro seu cliente, pisos em madeira, muitas vezes já são vendidos casados com a instalação, o que ao meu ver tem duas vantagens: a especialização da mão-de-obra e o desconto pela “venda casada”.

3. Facilidade de manutenção

Especificar é uma das maiores responsabilidades da nossa área de atuação, ela tem que ser feita de forma responsável e consciente. A madeira natural demanda cuidados muito maiores do que os necessários aos materiais que a imitam. O cliente deve ter uma boa experiência com o material. Apesar da facilidade, deve ser usada mão de obra especializada na instalação e a pessoa responsável pela manutenção deve ser bem orientada quanto aos procedimentos adotados. Um detergente usado ao invés de um sabão neutro pode manchar ou até mesmo tirar a cor de uma superfície tingida.

Você é adepto da imitação? Não é adepto? Dê sua opinião e defenda seus argumentos!

Um abraço e até a próxima!

Alberto Vosgerau Neto

Alberto Vosgerau Neto

Alberto é estudante de Design na UTFPR e Freelancer 3D. Você pode conferir seu trabalho em avndesign.blogspot.com

Conteúdo relacionado

Comentários