Hoof It

Por Wagner Regis

Ao raiar do dia, o jovem garoto é acordado por sua mãe e descobrem que a cabra da família foi sequestrada. Sendo assim, ele inicia uma perigosa busca pelas montanhas!

Logo de início, o principal destaque fica por conta dos belíssimos cenários em aquarela, e a produção sendo trabalhada num estilo bastante tradicional, e com a movimentação dos personagens feita quadro-a-quadro. Ao assistir, lembrou-me fortemente do game “Child of Light” onde os cenários também lembram muito o acabamento de aquarela (apesar de que a animação dos personagens ficou um pouco a desejar – mas não é o momento para falar disso).

O curta produzido por Seth Boyden, não é apenas lindo de ser assistido pelos cenários, mas também pela fluidez na animação dos personagens, e ainda pela sua narrativa. Toda a magia envolvendo o universo apresentado lembrando muito “As Fábulas de Esopo”, por assim dizer. É muito legal ver a maneira que atravessa o precipício, enquanto busca a cabra sequestrada, o modo que os objetos da cozinha ganham vida e todo esse encanto, acompanhando de uma trilha sonora muito graciosa, tornam a animação tão divertida.

Algo que sempre comento em aulas, oficinas, é sobre a importância de darmos uma atenção maior a pré-produção de qualquer projeto. E é legal ver as ideias que Seth, experimentando na concepção das cenas como seria o acabamento imaginado, a paleta de cores, os personagens, e em meio a isso você já consegue ter essa imersão na proposta que estava em desenvolvimento.

hoof_it_01

hoof_it_02

“Hoof It” termina com uma excelente premissa para uma série animada, que com certeza seria muito divertida de ser acompanhada.

Wagner Regis

Wagner Regis

Designer Gráfico por formação e Pós-Graduado em Jogos Digitais (UP). É co-fundador do estúdio de animação "Make Toons", professor na Universidade Positivo, e feliz por gostar do que faz.

Conteúdo relacionado

Comentários